da Luiz Felipe Scolari | Fellegger Und Fellegger

Luiz Felipe Scolari

Nascimento:
09/11/48

Local:
Passo Fundo / RS

Time atual:
C Atlético Mineiro (assumiu 20/jun)


Destaques

Luiz Felipe Scolari iniciou no futebol profissional aos 19 anos, como zagueiro do Aymoré, de São Leopoldo. Demonstrando uma liderança nata, logo assumiu como capitão da equipe. Em 73, foi para o Caxias, onde jogou por 6 anos. Luiz Felipe é o recordista de jogos do clube. Neste período, ele fez a Faculdade de Educação Física em Porto Alegre com especialização em futebol e vôlei. Depois de jogar no Novo Hamburgo e Juventude, encerrou a carreira aos 32 anos no CSA de Maceió. Mesmo clube onde iniciou a carreira de técnico de futebol.  Depois Luis Felipe assumiu o sub 20 do Juventude. Numa excursão do profissional para a Coréia e Oriente Médio, o técnico Daltro Menezes com problemas de saúde não pode viajar. Luiz Felipe o substituiu e comandou a equipe. Foram 7 vitórias em 7 jogos.  No retorno ao Brasil, indicado pelo Flávio Murtosa, preparador físico do Brasil de Pelotas, Luiz Felipe assumiu o time no Campeonato Gaucho 1983. Logo na primeira competição levou o Brasil a final. Como havia deixado boa impressão na Arábia Saudita, os dirigentes do Al Shabab de Riyad, o contrataram. Logo na primeira temporada foi vice-campeão. Retornou ao Brasil após 3 anos e retornou ao Juventude. Durante o Campeonato Gaucho 1987, foi convidado e assumiu o Grêmio.  Assim conquistou seu primeiro título.

Com início da década de 90, começaram as conquistas do técnico Scolari. No Kuwait em 1990, venceu a Copa do País pelo Al Qadsia, e a Copa do Golfo pela seleção do país. No Brasil, foi campeão 3 vezes da Copa do Brasil e 2 vezes da Libertadores. O trabalho a longo prazo começou a caracterizar sua carreira. Foram 3 anos e meio no Grêmio e 6 títulos. No Palmeiras, 3 anos de trabalho e 4 títulos. Disputou 5 Libertadores, e chegou à 3 finais e 1 semifinal. Foi eleito por 200 jornalistas sulamericanos numa pesquisa do jornal “El País” do Uruguai, como melhor técnico sul-americano em 99. Assumiu em 12 de junho de 2001 a Seleção Brasileira. Conquistou a Copa do Mundo de 2002 com 100% de aproveitamento. Foi o 16o título conquistado em 26 finais disputadas.

Em janeiro de 2003, assumiu a Seleção Portuguesa. Depois de 1 ano e meio de preparação, levou Portugal a final inédita da Eurocopa, onde conquistou o vice campeonato. Nas eliminatórias europeias para a Copa da Alemanha, conseguiu a classificação antecipada e invicto. Na Copa do Mundo, levou Portugal entre os 4 melhores. Renovado o contrato até o Euro 2008 na Áustria-Suiça, classificou Portugal até as 4as de final. Em julho, Scolari voltou a trabalhar em clube. Contratado pelo FC Chelsea, ficou 7 meses. Em julho deste ano, convidado pelo Bunyodkor do Uzbequistão, aceitou desenvolver o projeto e assinou por 18 meses. Conquistou o título da Liga Uzbeque invicto. Foram 27 vitórias e 3 empates em 30 rodadas. Em 2010, retornou ao futebol brasileiro assumindo novamente o Palmeiras. No segundo ano de trabalho, conquistou sua 4a Copa do Brasil colocando o Palmeiras na Copa Libertadores. Assumiu a seleção brasileira em 29 de novembro de 2012. Conquistou a Copa das Confederações 2013 e foi 4o colocado na Copa do Mundo 2014. Reassumiu o Grêmio pela terceira vez em 29 de julho. Recuperou a equipe no Brasileiro 2014. Assumiu na 11a posição e terminou em 7o. No Gaucho 2015 foi vice campeão e deixou o clube no início do Brasileiro. Convidado pela 3a vez, desta vez aceitou o convite e assumiu o clube chinês do Guangzhou Evergrande em junho de 2015. Em dois anos e meio no Guangzhou conquistou 7 titulos em 11 campeonatos disputados. Retornou ao Brasil em agosto de 2018 para assumir o Palmeiras pela 3a vez e conquistar o título Brasileiro 2018. Retornou ao Cruzeiro em outubro de 2020 e recuperou o clube na Série B. Em 2021 foi convidado para retornar ao Grêmio e no ano seguinte para recuperar o Athletico na temporada. Colocou o clube  paranaense na final da Libertadores e levou o time para a 6a posição no Brasileiro. Assumiu o Atlético Mineiro em junho de 2023 e levou a equipe para a disputa do título do Brasileiro até a última rodada.

* Assessorado pela Fellegger desde o inicio, em abril de 2000.

Principais Competições na Carreira
Copa do Mundo
Participações: 2002, 2006 e 2014
Título: 2002
Jogos: 21
Vitórias: 14
Empates: 3
Derrotas: 4

Camp. Brasileiro Série A
Participações: 21 (desde 1982)
Títulos: campeão em 1996 e 2018, vice em 1997
Jogos: 459
Vitórias: 193
Empates: 137
Derrotas: 129

Copa do Brasil
Participações: 15
Títulos: 1991, 1994, 1998 e 2012. Vice em 1995
Chegou a 8 semifinais
Jogos: 101
Vitórias: 59
Empates: 26
Derrotas: 16

Libertadores
Participações: 9
Títulos: 1995 e 1999 e vice em 2000 e 2022
Chegou a três finais, 6 semifinais e duas 4as de final
Jogos: 84
Vitórias: 47
Empates: 19
Derrotas: 18
OBS: Sétimo (7o) técnico com mais jogos na Libertadores e terceiro mais vitorioso.

Atualizado em 20/fevereiro


Carreira
Ano Equipe
1982 CSA - Maceió/AL - 7 jogos, 1 vitória, 4 empates, 2 derrotas - 33%
1983 Juventude/RS - 7 amistosos na Ásia e sub 20 no Camp. Gaucho
1983 Brasil - Pelotas/RS - 38 jogos, 13 vitórias, 16 empates, 9 derrotas - 48%
1984 Brasil - Pelotas/RS - 14 jogos, 4 vitórias, 5 empates, 5 derrotas - 40%
1984/85 Al Shabab - Riyadah/ARÁBIA - 32 Jogos na Liga (Vice campeão)
1986 Pelotas - Pelotas/RS
1986/87 Juventude - Caxias/RS - 25 Jogos, 8 vitórias, 13 empates, 4 derrotas
1987 Grêmio - Porto Alegre/RS - 45 jogos, 24 vitórias, 16 empates, 5 derrotas - 65%
1988 Goiás - Goiânia/GO - 38 Jogos, 23 vitórias, 10 empates, 5 derrotas
1988/90 Al Qadsia - Kuwait/KUWAIT - 42 Jogos (duas Ligas)
1990 Seleção do Kuwait - 13 jogos, 4 vitórias, 4 empates, 5 derrotas - 41%
1990 Coritiba - Curitiba/PR - 3 Jogos (20 dias)
1991 Criciúma - Criciúma/SC - 18 jogos, 8 vitórias, 5 empates, 5 derrotas - 54%
1991/92 Ah Ahli - Jedah/ARÁBIA - 32 Jogos (Liga)
1992/93 Al Qadsia - Kuwait/KUWAIT - 21 Jogos (Liga)
1993/96 Grêmio - Porto Alegre/RS - 273 jogos, 129 vitórias, 74 empates, 70 derrotas - 55%
1997 Júbilo Iwata - Iwata/JAPÃO - 16 Jogos (1o turno J-League)
1997/00 Palmeiras/SP - 254 jogos, 127 vitórias, 64 empates, 63 derrotas - 58%
2000/01 Cruzeiro - B.Horizonte/MG - 75 jogos, 40 vitórias, 24 empates, 11 derrotas - 64%
2001/02 Seleção Brasileira - 25 jogos, 19 vitórias, 1 empate, 5 derrotas - 77% (Melhor aproveitamento)
2003/08 Seleção Portuguesa - 74 jogos, 42 vitórias, 18 empates, 14 derrotas - 65%
2008/09 Chelsea/ING - 41 jogos, 24 vitórias, 12 empates, 5 derrotas - 68%
2009/10 Bunyodkor/UZB - 43 jogos, 31 vitórias, 6 empates, 6 derrotas - 77% (Melhor aproveitamento)
2010/12 Palmeiras/SP - 154 jogos, 65 vitórias, 47 empates, 42 derrotas - 52%
2013/14 Seleção Brasileira - 29 jogos, 19 vitórias, 6 empates, 4 derrotas - 72%
2014/15 Grêmio - Porto Alegre/RS - 53 jogos, 26 vitórias, 14 empates, 13 derrotas - 58%
2015/17 Guangzhou Evergrande/CHI - 120 jogos, 73 vitórias, 30 empates, 17 derrotas - 69%
2018 Palmeiras/SP - 30 jogos, 20 vitórias, 7 empates, 3 derrotas - 74% (3o melhor aproveitamento)
2019 Palmeiras/SP - 47 jogos, 26 vitórias, 14 empates, 7 derrotas - 68%
2020 Cruzeiro - B.Horizonte/MG - 21 jogos, 9 vitórias, 8 empate, 4 derrota - 54%
2021 Grêmio - Porto Alegre/RS - 21 jogos, 9 vitórias, 3 empates, 9 derrotas - 56%
2022 Athletico/PR - 45 jogos, 21 vitórias, 13 empates, 11 derrotas - 76% (2o Melhor aproveitamento)
2023 Atletico/MG - 29 jogos, 14 vitórias, 8 empates, 7 derrotas - 57%
2024 Atletico/MG - 7 jogos, 3 vitórias, 2 empates, 2 derrotas - 50%
Atualizado em 25/fevereiro
TOTAL

Conquistas
ANO CONQUISTAS EQUIPES CAMPANHA
1987 Campeonato Gaúcho Grêmio
1990 Copa do Kuwait Al Qadsia
1990 Copa do Golfo Kuwait
1991 Copa do Brasil Criciúma
1994 Copa do Brasil Grêmio
1995 Campeonato Gaúcho Grêmio
1995 Copa Libertadores Grêmio
1996 Campeonato Gaúcho Grêmio
1996 Recopa Sulamericana Grêmio
1996 Campeonato Brasileiro Grêmio
1997 Vice Brasileiro Palmeiras
1998 Copa do Brasil Palmeiras
1998 Copa Mercosul Palmeiras
1999 Copa Libertadores Palmeiras
2000 Torneio Rio-S.Paulo Palmeiras
2000 Vice Libertadores Palmeiras
2001 Copa Sul Minas Cruzeiro
2002 Copa do Mundo Brasil 7 vitórias (INVICTO)
2004 Vice na Eurocopa Portugal
2006 4o Copa da Alemanha Portugal -4 vit, 1 emp, 1 der
2009 Liga Uzbeque Bunyodkor 27 vit 3 emp (INVICTO)
2012 Copa do Brasil Palmeiras 9 vit / 3emp (INVICTO)
2013 Copa das Confederações Brasil 5 Jogos / 5 Vitórias (INVICTO)
2015 Liga Chinesa Guangzhou 12 vit 5 emp (INVICTO)
2015 Liga da Asia Guangzhou 3 vit 3 emp (INVICTO)
2016 Supercopa da China Guangzhou 1 Jogo 1 Vitoria
2016 Liga Chinesa Guangzhou 19 vit 7 emp 4 derrotas
2016 Copa da China Guangzhou 5 vit 3 emp
2017 Supercopa da China Guangzhou 1 Jogo 1 Vitoria
2017 Liga Chinesa Guangzhou 19 vit 4 emp 4 derrotas
2018 Campeonato Brasileiro Palmeiras 16 vit 5 emp
SÃO 27 TÍTULOS

Notícias
24/09/2023 - Scolari conquista 5a vitória no Brasileiro. No banco, não perde há 7 jogos.
16/06/2023 - Scolari vai assumir o Atlético Mineiro
13/11/2022 - Scolari finalizou. Quase 41 anos de carreira. Com 27 títulos conquistados.
07/09/2022 - Scolari chega a sua 4a decisão em 8 Libertadores
12/08/2022 - Técnico Scolari chega a 6a semifinal da Libertadores e conquista sua vitória 46 na competição
26/07/2022 - Scolari vai completar 100 jogos na Copa do Brasil
12/07/2022 - Técnico Scolari chega as 4as da Copa do Brasil pela 13a vez em 15 participações
17/05/2022 - Scolari já disputou 7 Copa Libertadores
14/05/2022 - Técnico Scolari vai disputar seu 20o Brasileiro Série A
10/09/2021 - Scolari lamenta o falecimento do presidente Jorge Sampaio
24/08/2021 - Scolari já chegou em 8 semifinais de Copa do Brasil
10/07/2021 - Scolari reestreia no Grêmio com o seu 21o GreNal
25/01/2021 - Scolari deixa o Cruzeiro. Veja seu depoimento.
30/10/2020 - Scolari tem 67% com o Cruzeiro no Mineirão
16/10/2020 - Retornar ao clubes é uma característica da carreira do técnico Scolari